O conselheiro do Conselho Regional de Medicina do Mato Grosso, Aguiar Farina, disse hoje pela manhã em Bonito, durante a terceira mesa redonda do 10º Encontro Regional dos CRMs do Norte e Centro-Oeste, em que se discutiu “Bioética no Ensino Médico – Papel da Contextualização Crítica Controladora de Vias Mercadológicas”, que é preciso que o médico para exercer de forma plena a bioética tem que ter uma relação mais próxima com seus pacientes. “Nossa realidade exige essa proximidade, porque enquanto nos países da Europa e nos EUA se discute muito a questão do paciente morrer com dignidade, nós aqui no Brasil e nos outros países emergentes ainda discutimos como viver com dignidade, e para que o paciente tenha essa dignidade é preciso que ele mais no médico que lhe presta o atendimento e o médico confie mais no paciente”, comentou. A mesa redonda, a última do dia, teve a participação de três membros do CRM/MS, o presidente da entidade, Marcos Tiguman, presidindo os trabalhos, e os conselheiros Luciana Reis Vaz de Moura Couvre, com comentarista, e Luis Henrique Mascarenhas Moreira, como secretário.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.