O CRM/MS, na defesa do prestígio e bom conceito da profissão, distribuiu processo na Justiça Federal com pedido de liminar para obrigar a retirada de campanha difamatória contra a classe médica. Infelizmente, não fomos atendidos, conforme decisão anexa.

Apesar de continuarmos a insistir com o processo, lamentamos que se deixe exposta toda uma classe a um pré-julgamento injusto, quando sabemos que os médicos oferecem o seu melhor em prol da sociedade, mesmo sob condições inadequadas que lhes são oferecidas.

Luís Henrique Mascarenhas Moreira

Presidente

 

Clique aqui para visualizar a sentença.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.