A medicina brasileira acaba de ganhar um novo patrimônio: trata-se da coleção Clínica Médica: Diagnóstico e Tratamento, composta de seis volumes, que traz abrangente atualização de todas as áreas da medicina. A obra, cuja coordenação geral é do professor dr. Antonio Carlos Lopes, diretor da Escola Paulista de Medicina, tem a participação de 41 coordenadores e 756 colaboradores (lista completa abaixo), todos renomados nomes da medicina do país nas mais variadas especialidades.
 
    A proposta da publicação é inédita no Brasil, com abrangência jamais verificada em língua portuguesa. Por isso já é vista no universo da medicina como referência obrigatória tanto para os acadêmicos quanto para a reciclagem de médicos das diversas especialidades.
 
   “O livro envolveu colegas de vários estados, de várias Universidades, e não foram poupados esforços, nem da editora Atheneu, nem dos demais envolvidos no projeto, para que fosse concretizado da maneira como havíamos idealizado. É a obra mais ousada e importante que temos no Brasil para a reciclagem de conhecimentos científicos.”
 
   No papel de coordenador geral, o prof. Dr. Antonio Carlos Lopes participou ativamente de todas as etapas, desde a elaboração do conteúdo programático, indicação dos coordenadores e acompanhamento da definição de todos os autores, até o processo de seleção de fotos e gráficos, revisão do conteúdo programático, uniformização dos textos, garantindo que a publicação contemplasse apenas aquilo que já está consagrado na prática médica.
 
    “A medicina se aprende nos livros, não nas revistas. Essa é uma frase clássica que tem que ser respeitada sempre, a despeito da tecnologia avançada e do progresso das publicações.”
 
    Referências de Norte a Sul – O papel de Clínica Médica: Diagnóstico e Tratamento é particularmente importante para a difusão da prática médica de qualidade nas regiões mais distantes e áreas remotas, carentes de atualização científica, mas com a pluralidade de atendimentos, características de um país de dimensões continentais, miscigenação e cultura tão variados quanto o nosso, que desafia diariamente os profissionais na linha de frente do atendimento à população.
 
    “Preenchemos aqui uma lacuna na literatura médica nacional, com uma abordagem completa das diversas áreas da medicina”, afirma o professor Antonio Carlos Lopes.
 
    O trabalho não para por aqui, muito pelo contrário. Com o passar do tempo, afirma o professor, novas edições serão necessárias, tendo em vista o grande progresso da medicina na área de diagnóstico e tratamento. “O acesso à informação atualizada e confiável é imprescindível para que o médico siga realizando o diagnóstico adequado e oferecendo o melhor tratamento possível, em uma relação médico-paciente adequada, baseada no humanismo, que deve permear toda a atividade profissional.”
 
    Do generalista ao especialista – De acordo com o coordenador geral da publicação, a publicação é voltada aos especialistas de todas as especialidades, para que possam consultar, de maneira prática e objetiva, também assuntos relacionados a outras áreas, podendo oferecer um encaminhamento adequado ao diagnóstico e tratamento de seus pacientes.
 
    “É essencial que o médico, por mais especialista que seja, interaja com outras especialidades, e que tenha à mão uma fonte segura para consultas em caso de dúvidas”.  
 
   A obra, comenta ainda o coordenador, leva em conta a capilaridade entre as várias especialidades, de suma relevância no exercício da medicina no dia-a-dia, permitindo um diagnóstico e tratamento muito mais completos. “Esta característica é de fundamental especialmente nas regiões onde não há a oferta de especialistas que existe nos grandes centros. E ainda que haja, em muitos casos um mesmo especialista atende a diversas regiões, não estando disponível permanentemente. Assim, os clínicos precisam saber mais sobre as demais especialidades, enfim, ser generalistas na acepção completa da palavra”.
 
    Para brasileiros e estrangeiros – “É um trabalho brasileiro, contempla a medicina brasileira”, afirma o professor, em referência ao fato de muitas vezes profissionais brasileiros precisarem se basear em obras internacionais, que nem sempre abrangem uma série de características típicas de nosso país e de nossa população.
 
    Os colaboradores abordaram, de forma crítica, temas que atendem à exigência e necessidades reais dos profissionais que atendem no Brasil.
“Temos a garantia e a tranquilidade de trazer capítulos redigidos por colegas, médicos, professores, que exercem a profissão no dia-a-dia, habilitados a discorrer sobre diagnósticos e tratamentos de forma crítica, contemplando, por meio de experiências pessoais do dia-a-dia, contemplar aquilo que é consagrado, que é realmente importante.”
 
    A obra, avalia, é também uma excelente referência aos médicos estrangeiros, ou mesmo aos brasileiros formados em outros países e que buscam, ou já conquistaram, a revalidação de seus diplomas.
 
    “Clínica Médica: Diagnóstico e Tratamento é, ainda, referência importante àqueles que, mesmo formados nos grandes centros urbanos, atuam em regiões afastadas. Esta situação dificulta a atualização profissional e faz com que estes profissionais estejam em constante busca por alternativas para se manter atualizados.”
 
 
Livro: Clínica Médica: Diagnóstico e Tratamento
Autor: Professor Doutor Antônio Carlos Lopes
Editora Atheneu
Coleção: 6  volumes
Formato: 17,5 x 25 cm
Total de páginas: 6.254  Valor: R$ 777,00
Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.