A Academia de Medicina de Mato Grosso do Sul, a Associação Médica de Mato Grosso do Sul, o Conselho Regional de Mato Grosso do Sul, o Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul, entidades médicas representativas do Estado de Mato Grosso do Sul frente à situação vivenciada hoje pelo mundo, e, preocupadas com a situação de nosso Estado, emitem a seguinte nota:

O mundo hoje vive sob o medo e a preocupação pela pandemia do COVID 19, que vem assolando o mundo e que tem sido expressos pelas milhares de pessoas infectadas e mortas em sua trajetória.

No Brasil o medo e a preocupação não são diferentes. O vírus já chegou ao mesmo tempo em que as notícias sempre atualizadas nos informam sobre a situação inicialmente da China, posteriormente da Itália, Espanha e mais recentemente os EEUUAA.

No Brasil a COVID 19, chegou de forma tímida pelo drástico controle das pessoas que voltavam das viagens ao exterior. Só que agora o contágio já é comunitário e a sua evolução é temida e esperada.

A intensidade e a dimensão desta epidemia dependem essencialmente das medidas de prevenção, proteção e a preparação em atender as pessoas infectadas.

Para isto é essencial as informações atualizadas de como é a situação mundial, bem como o estudo dos procedimentos e medidas adotadas pelos países que aprenderam a controlar e a minimizar os danos que tiveram, e que segurament4e também teremos.

Desta forma a Academia de Medicina de Mato Grosso do Sul, através de seus constituintes com amplo conhecimento e atuação médica considera que é essencial o conhecimento técnico aliado às medidas que visem a minimização dos prejuízos esperados.

A Academia de Medicina de Mato Grosso do Sul exorta as autoridades constituídas a apoiarem e darem condições para que os conhecimentos técnicos possam ser da melhor forma possível realizem o seu papel, pois caso contrário os prejuízos seguramente serão muito mais intensos caso esta parceria não se realize.

Assim, temos a convicção de que o Ministério da Saúde e seus colaboradores, sua equipe está trilhando o melhor caminho no momento pelo que precisa ser reconhecido e apoiado.

A Academia de Medicina de Mato Grosso espera que a serenidade, a calma, o bom senso impere e que não sejam mediados por diferenças ideológicas, políticas e partidárias que determinem o futuro do Brasil.

Assim esperamos

Juberty Antonio de Souza
Presidente da Academia de Medicina de Mato Grosso do Sul

Maria José Maldonado
Presidente da Associação Médica de Mato Grosso do Sul

Alex Finamore Nametala
Presidente do Conselho Regional de Mato Grosso do Sul

Marcelo Santana
Presidente do Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.